terça-feira, 16 de dezembro de 2008

A voz do silêncio


Pior do que a voz que cala,
é um silêncio que fala.

Simples, rápido! E quanta força!

Imediatamente me veio à cabeça situações
em que o silêncio me disse verdades terríveis,
pois você sabe, o silêncio não é dado a amenidades.
Um telefone mudo. Um e-mail que não chega.
Um encontro onde nenhum dos dois abre a boca.

Silêncios que falam sobre desinteresse,
esquecimento, recusas.

Quantas coisas são ditas na quietude,
depois de uma discussão.
O perdão não vem, nem um beijo,
nem uma gargalhada
para acabar com o clima de tensão.

Só ele permanece imutável,
o silêncio, a ante-sala do fim.

É mil vezes preferível uma voz que diga coisas
que a gente não quer ouvir,
pois ao menos as palavras que são ditas
indicam uma tentativa de entendimento.

Cordas vocais em funcionamento
articulam argumentos,
expõem suas queixas, jogam limpo.
Já o silêncio arquiteta planos
que não são compartilhados.
Quando nada é dito, nada fica combinado.

Quantas vezes, numa discussão histérica,
ouvimos um dos dois gritar:
"Diz alguma coisa, mas não fica
aí parado me olhando!"

É o silêncio de um, mandando más notícias
para o desespero do outro.

É claro que há muitas situações
em que o silêncio é bem-vindo.
Para um cara que trabalha
com uma britadeira na rua,
o silêncio é um bálsamo.
Para a professora de uma creche,
o silêncio é um presente.
Para os seguranças de um show de rock,
o silêncio é um sonho.

Mesmo no amor,
quando a relação é sólida e madura,
o silêncio a dois não incomoda,
pois é o silêncio da paz.

O único silêncio que perturba,
é aquele que fala.

E fala alto.

É quando ninguém bate à nossa porta,
não há emails na caixa de entrada
não há recados na secretária eletrônica
e mesmo assim, você entende a mensagem

Martha Medeiros



O Silêncio dói!
Tem doído muito!
Mais eu sei que nesse momento é dele que eu preciso,do silêncio,da reflexão.De parar e pensar no que é melhor pra mim.Porque agora e so agora que estou vivendo tantas coisas que consigo ver.Todas estavam aqui,do meu lado e SO eu não via.
Esse silêncio que tanto me machuca é que me fortalece,me faz bem...

15 comentários:

Lucí disse...

Humm amadinha..

Eu conhecia a frase "o pior silencio é aquele que fala".. so nao sabia que era dela, mas como o silencio pode ser teu inimigo pode ser teu amigo.. use e abuse dele, pense e reflite se tudo o que passa realmente vale a pena!..

Bjinhosss...

Ricardo Dib disse...

Às vezes precisamos do silêncio para podermos ouvir a nossa alma.
E ela tem muito a nos dizer.

Bjs.

Luciana disse...

Oi Lú, antes de mais nada que linda postagem da Martha Medeiros e o teu pequeno desabafo muito sincero, gosto de pessoas assim como tu que sabem que não estão bem e transparecem isso eu também sou assim, o que tu escreveu sobre família está certo, eu também tive minha parcela de culpa, mas graças a Deus esse assunto já está sendo esquecido e enterrado( por que quem vive de passado é museu rsrsrs) só para descontrair um pouco, mas falando sério já estou me sentindo melhor e perdi o medo dessas pessoas, acho que estou quase pronta para quem sabe um dia encontrá-las pessoalmente e mostrar a elas que eu estou bem e feliz, mas isso só o tempo vai me dizer com certeza, em relação a minha mãe pedi para ela colocar uma pedra em cima desse assunto e vivermos a nossa vida e não a delas, só o que eu sinto que eu perdi uma pessoa que poderia estar comigo até hoje, mas também quem sabe não era para ser não é mesmo? Eu acredito que Deus tem algo guardado para cada pessoa e quem sabe ele tem algo especial para mim, sei que tenho muitos problemas além das que tu leu no meu perfil, eu ainda tenho problemas no útero talvez nem possa ser mãe, mas isso é uma coisa com a qual já me conformei a muito tempo, bem vou ficando por aqui.


Bjs e fica com Deus, amiga!

Quase Trinta disse...

Pois é linda, como dizem o silêncio vale mais e fala mais do que mil palavras.

Thiago Gagante disse...

Por vezes é melhor calar. Eu bem sei disso!

Carla Silva e Cunha disse...

Ola
tudo bem?
espero que sim

gostava que fosse a

www.avanessaguerradesafio.blogspot.com

e que votasse na minha tela

beijinhos

Carla Cunha

Christi... disse...

Oi Lu, lindo esse texto, muito complexo, e verdadeiro. Se o silêncio te alimenta, degustar é preciso, tem verdade que encontramos em meio á flores, e outras em meio á desertos, se isso é importante pra ti no momento, sugar o máximo pra não deixar de viver suas etapas com intensidade.

Fique bem e um ótimo silêncio pra ti.

Bjs,
Chris

O Profeta disse...

Sabia apenas que era um pequenino naquela longa noite
No celeste um luminoso sorriso me chamava
Lançou-me aos olhos raios de deslumbrante luz
Era a minha prenda, uma brilhante…Estrela Alva…



Um Mágico Natal para ti querida amiga que ao longo deste ano me visitaste. Que a Estrela Alva te ilumine neste Natal.






Mágico beijo

Enfil Notelku disse...

Aguenta firme. Esse silêncio é o que te redime!

Abraços,

Enfil

mendogas disse...

olá querida amiga:
Eu não gosto do silencio a não ser no trompete de Fausto,isso sim adoro!
Mas de resto o silencio não nos dá nada de palpavel só recordações que por vezes muito tristes.
Vejamos será que as pessoas que não podem ouvir gostam do silencio?
Claro que não!
Eu acho que nós temos de fazer barulho,ouvir barulho para nos sentir-mos VIVOS.

um grande beijo pra voçe amiga

Cöllyßry disse...

...._.;_“.-._
...{`--..-.“_,}
.{;..\,__...-“/}
.{..“-`.._;..-“;
....`“--.._..-“
........,--\\..,-“-.
........`-..\(..“-...\
...............\.;---,/
..........,-““-;\
......../....-“.)..\
........\,---“`...\\
....._.;_“.-._ Que a harmonia envolta teu Ser

neste Natal...E as estrelas o iluminem...

Doce beijo

ölhår_Îñðîscrëtö...Å ¢µ®¡ö§¡dädë

Poemas e Cotidiano disse...

O silencio para mim tem historias... nao suporto o silencio, aquele incomodativo...que a gente precisa ouvir palavras... Alias, esse eh um dos meus traumas de infancia...
Minha querida, vim aqui para lhe desejar um Natal muito lindo, viu? Cheio de alegrias, de paz... e cheinho de PALAVRAS........
Um beijo carinhoso
MARY

Julia 3MP disse...

o silencio me atormenta. e sim,o silencio realmente doi!

Olavo disse...

Que o bom velhinho traga um saco cheinho de paz,
harmonia, fraternidade
Que o gesto de ternura se estenda de várias mãos
Que ao som dos sinos
O amor exploda em toda direção!

FELIZ NATAL!
beijos

ALF disse...

Depende muito do que se é dito.
Palavras podem ser falsas, mas o silêncio sempre fala a verdade.

Por mais dura que seja o silêncio traduz a verdade. Jamais mente. É preferível um silêncio verdadeiro a uma fala falsa.

As melhores coisas são ditas no silêncio. Sejam ruins ou boas. Mas tem que ser assim.

Ouvir sempre é bom sim, quando sincero e verdadeiro. Mas a gente só percebe se uma fala é verdadeira devido À entonação da fala, do olhar, do jeito de gestuar. As palavras mascaram, mas o resto do corpo não.

Por isso dou mais importância ao silêncio que as palavras. Mas não significa que eu não goste de palavras também. É relativo, como falei.

Grande beijo Lu.

Te adoro.
Feliz natal e próspero ano novo.
:)